Introdução ao Município

APÓS À PANDEMIA, VISITE LAVRAS DO SUL E O PAMPA GAÚCHO. CONHEÇA NOSSAS POTENCIALIDADES E CULTURA

Distante dos grandes centros urbanos, industriais e tecnológicos do Rio Grande do Sul, o Município de Lavras do Sul se caracteriza pela criação de gado. Parte integrante do território do Alto Camaquã e do Pampa Gaúcho, apresentai potencialidades em diversas áreas da sociedade. Mesmo sendo um município de pequeno porte, possui uma história de quase 140 anos, sendo conhecido por grande parte dos gaúchos.

Lavras do Sul é um município localizado na Microrregião da Campanha Meridional, no Sudoeste do Estado do Rio Grande do Sul, a 320 km da Capital, Porto Alegre, a 81 km de Bagé e a 170 km de Santa Maria. Sua população, segundo estimativas do IBGE para 2013, é de 7.593 habitantes, distribuídos em uma área de 2.600,61 km² (ou 260.061 hectares). É banhado pelas águas da Bacia Hidrográfica do Rio Camaquã (na porção leste) e da Bacia Hidrográfica do Rio Santa Maria (na porção oeste). Constitui parte integrante das regiões do Alto Camaquã, Pampa Gaúcho, Campanha e Serra do Sudeste. Com sua sede municipal localizada através das Coordenadas Geográficas 30° 48' 46" S e 53° 53' 42" O, apresenta dois distritos: Sede, com 1 260 km², e Ibaré, com 1 340 km². A superfície do município de Lavras corresponde a 0,9669% do Estado, 0,4613% da Região Sul do Brasil e 0,0306% do território brasileiro. O perímetro aproximado das divisas do Município, segundo cálculos do autor do presente artigo, é de 331,45 km. Lavras do Sul faz divisas com os seguintes municípios: Bagé (sudeste e sul), Dom Pedrito (sul, sudoeste e oeste), São Gabriel (oeste, noroeste e norte), Santa Margarida do Sul, Vila Nova do Sul e São Sepé (norte), Caçapava do Sul (nordeste, leste e sudeste). É o 22º maior município em extensão territorial e o de maior superfície com população inferior a 10.000 habitantes no Rio Grande do Sul. Seu território equivale a quase cinco vezes a área territorial da cidade de Porto Alegre.

Emancipada de Caçapava do Sul em 9 de maio de 1882. O atual território do município surgiu pela formação das Missões Jesuíticas, com a presença dos índios Guenoas, e também pela mineração do ouro. O núcleo populacional surgiu em 1825, mas antes desta data, já havia a circulação de europeus e bandeirantes, atrás de notícias da existência do ouro na região. A cidade surgiu a partir de um núcleo populacional centralizado na Igreja Matriz de Santo Antônio.

No auge da mineração e do funcionamento de uma unidade da Brigada Militar. Lavras do Sul chegou, entre 1930 e 1960, mais de 13 mil habitantes. Atualmente, segundo estatísticas do IBGE, são cerca de 7,4 mil habitantes. Povos das mais diversas etnias compõem a população lavrense. O Município de Lavras do Sul se divide em dois distritos: Sede e Ibaré.

Localizada no Sudoeste do Rio Grande do Sul, entre Bagé e Caçapava do Sul, Lavras do Sul tem 2.600 km² de área, altitude média de 300 m e tem um vasto complexo de campos nativos, ambiente com diversas e belas paisagens. A Sede é banhada pelo Arroio Camaquã das Lavras. O clima é frio e úmido de maio a setembro. Lavras do Sul está distante de Porto Alegre a 320 km.

A ERS-357 é a principal ligação rodoviária de Lavras do Sul com o RS. A ligação com Bagé merece atenção, pois ainda não foi asfaltada. Nos últimos anos, as novas tecnologias são instaladas no município. A base da economia lavrense é o Agronegócio, mas o comércio, serviços e turismo crescem cada vez mais. Há a possibilidade de instalação novos empreendimentos, relacionados à mineração e à energia eólica, podendo gerar divisas a Lavras do Sul.

A Praia do Paredão, a Igreja Matriz de Santo Antônio, o Turismo na Zona Rural e a Gruta Nossa Senhora de Lourdes são algumas das mais importantes atrações turísticas da cidade. O Carnaval, as Semanas Farroupilhas de Lavras do Sul e Ibaré, a ExpoLavras, o OuroDança, a FELAIC e o Torneio Interblocos são os principais eventos realizados ao longo do ano.

Pode-se dizer que Lavras do Sul é uma "grande família", com uma cultura peculiar e povo pacífico, que acolhe seus visitantes. Há uma forte cultura tradicionalista e carnavalesca em Lavras do Sul. O Carnaval Lavrense é considerado o melhor da região.

Nosso site usa cookies. Para continuar navegando em nosso site, você estará aceitando nossos termos de uso e cookies Leia mais aqui...