Personalidades

Ao longo da História do Rio Grande do Sul e do Brasil, Lavras revelou grandes personalidades em diversas áreas.

Um desses personagens era o Visconde de Serro Formoso (Francisco Pereira de Macedo, foto ao lado), que recebeu o imperador Dom Pedro II, em sua fazenda, junto com sua comitiva, composta por 60 escravos, enquanto rumava para Uruguaiana em meio à Guerra do Paraguai, em 1865. Cinqüenta escravos foram libertados e vários cavalos crioulos foram cedidos por Macedo ao Imperador, fazendo com que este último desse ao lavrense o título de Visconde. Foi pioneiro na alforria (libertação dos escravos) no País, fazendo o Rio Grande do Sul abolir a escravatura quatro anos antes da Lei Áurea, ou seja, em 1884.

De origem humilde, Licinio Cardoso foi um notável lavrense. Professor, matemático, político e intelectual, o legado de seu trabalho teve grande repercussão nacional e internacional. Fazia palestras no Exterior, além de defender as idéias republicanas do Brasil da segunda metade do século XIX. Sua importância para a História da Educação é tamanha, que seu nome acabou por ser homenageado como uma praça (a principal da cidade) e um colégio estadual. Cidades como Porto Alegre, Canoas e até mesmo o Rio de Janeiro possuem uma rua com seu nome.

Em 2002, Paulo José, ator, cineasta e diretor conhecido no Brasil e no mundo, que realizou diversos trabalhos em novelas e minisséries da televisão, sobretudo da Rede Globo, e filho de Lavras, foi homenageado pela escola de samba Os Filhos do Sol e aplaudido por toda a comunidade lavrense com muito orgulho. Continua ligado à sua terra natal, onde, em todas as temporadas de férias, costuma visitar seus familiares e amigos.

Outro importante expoente do município é o poeta nativista Gujo Teixeira, nascido em Porto Alegre, mas que possui grande identifcação com Lavras. Suas composições, caracterizadas pela vida no campo e a lida do gado, são bem desenvolvidas e fazem grande sucesso na cena da música nativista, dentro e fora do Rio Grande do Sul.

O Ministro do Supremo Tribunal Federal, José Néri da Silveira, os políticos Poty Medeiros e Glênio Peres (que tem seu nome homenageado no famoso largo do centro de Porto Alegre, junto ao Mercado Público), e o médico e escritor Blau Souza (autor de livros como De Todo Laço), são, entre outros, personalidades ilustres que contribuíram para a projeção de Lavras no Estado, no País e no Mundo.

© 2018 - Murilo de Carvalho Góes